APRe!

1
OBRIGADA A TODOS
Hoje faz um ano que iniciámos este Movimento que rapidamente se transformou na Associação APRe!. Neste espaço de tempo fomos crescendo em número de associados, em núcleos, em diferentes regiões do país, em intervenções publicas, na organização de debates com personalidades interventivas nesta área, enfim, em credibilidade. Estivemos presentes na Presidência da República, na Assembleia da República, na Provedoria da Justiça, nas sedes dos Partidos Políticos, nas Centrais Sindicais. 
Participámos em muitos debates da Televisão Portuguesa; Prós e Contras (2 vezes), Hora do Fecho, Política Mesmo, Expresso da Meia-Noite (2 vezes). Fomos notícia em todos os jornais nacionais, comentámos todas as notícias para as diferentes rádios (TSF, Antena 1, RR, Comercial). Demos entrevistas a jornais e televisões de diferentes países e temos vários correspondentes estrangeiros. Estamos a lutar nos tribunais e continuaremos esta nossa batalha.
Estivemos presentes nas grandes manifestações onde continuaremos a estar para defender a nossa causa; organizámos concentrações da APRe! em dois momentos diferentes, colaborámos com outras Associações, estamos a organizar o Colóquio Internacional para o dia 26 de Outubro que será um sucesso dado o número de inscrições que já temos (restam poucas vagas).
Não temos grandes vitórias mas ajudámos a conseguir algumas conquistas como a devolução dos subsídios aos pensionistas. Lutamos contra a CES mas contribuímos para que não haja duplo corte nas pensões da CGA; Lutamos contra todos os cortes com carácter retroactivo, seja nas pensões de reforma, seja nas pensões de sobrevivência. Estamos solidários com a luta de todos os que estão a ser “roubados” por este governo e não nos conformamos com este empobrecimento colectivo, principalmente porque há outros meios para resolver a situação em que nos encontramos. 
DEMOS VOZ AOS REFORMADOS ao trazer para a praça pública a nossa argumentação. 
Os reformados passaram a fazer parte das notícias e com elas se foi e vai fazendo pressão sobre os governantes.
Por tudo isto quero agradecer aos que acreditaram (acreditam) neste projecto, nomeadamente aos Corpos Sociais (infelizmente mais pobre depois da morte do nosso colega Abílio Soares), aos Delegados, aos Dinamizadores dos núcleos, a todos os Associados, em geral.
Sem vós não havia APRe! OBRIGADA A TODOS
Rosário Gama