Assembleia Geral Eleitoral: Programa de Ação da Lista

5

Caro(a) Associado(a) APRe!:

Na sequência da convocatória para a assembleia geral eleitoral, a realizar no próximo dia 11 de Outubro, apresenta-se programa de ação da única lista candidata:

Envelhecer livre é envelhecer com dignidade

reconhecer o potencial da pessoa idosa, encorajar o envelhecimento activo, e garantir um envelhecimento com dignidade.

1. Justificação da candidatura

A APRe!, associação de aposentados, pensionistas e reformados, centra-se na defesa dos direitos dos seus associados, lutando por políticas respeitadoras da dignidade destes cidadãos mais velhos e mais desprotegidos.

As vertentes cívica, apartidária e laica da APRe! são o garante de ser reconhecida como parceiro social de pleno direito tornando-se, cada vez mais, a voz dos aposentados, pensionistas e reformados que exige a reposição justa e devida a este grupo etário da sociedade, tanto no aspecto social como no aspecto económico.

A APRe!, reconhecida nacional e internacionalmente, tem de adequar as estratégias, modernizar a intervenção, nomeadamente continuar a reclamar as legítimas pretensões de quem, ao longo da História do País ajudou, com o seu trabalho e com os seus impostos, a erguer a Nação que somos.
Não estamos livres de novas ameaças e é preciso estarmos conscientes desse perigo.
Poderemos voltar a ser atingidos economicamente por sermos considerados o alvo mais fácil se as finanças públicas balançarem de novo.

É fundamental transmitirmos a mensagem de que, com a mesma veemência e determinação, nos mobilizaremos a qualquer momento, se preciso for.

Exigir que esta sociedade nos garanta uma vida com qualidade, tendo em conta as eventuais debilidades ou fragilidades que vamos sentindo com o avançar da idade não é um favor, é um direito fundamental.

Estas são as principais razões que nos fizeram aceitar o desafio de lançar a nossa candidatura à liderança dos destinos da APRe! nos próximos dois anos, certos de que só é possível concretizar, da melhor forma, esta tarefa se sentirmos o apoio maioritário de todos os associados.

A nossa lista, liderada por Fernando Martins, estabelecerá uma dinâmica com objectivos concretos de trabalho, englobando as Delegações, os Núcleos e todos os associados que, connosco, estejam dispostos a colaborar nesta causa, promovendo reuniões periódicas com as estruturas regionais para avaliação conjunta das necessidades e políticas a implementar.

Esta lista garante a continuidade e a renovação da APRe! no respeito pelos princípios fundadores e o trabalho já realizado em conjunto.

O que nos move é estruturar e fazer crescer a Associação e torná-la cada vez mais coesa, mais interventiva e mais respeitada, dentro dos valores da democracia e da responsabilidade de cidadania.

Elegemos a liberdade como a nossa prioridade – a liberdade de pensar, de dizer, de fazer. E isso traz-nos, a todos, maior responsabilidade, maior empenho e maior entrega, uma liberdade que nos permite consolidar o legado que temos de uma idade disposta a enfrentar os medos, sem barreiras mas com metas.

O respeito pela nossa dignidade é a nossa bandeira!

2. Prioridades

As prioridades desta Lista centram-se em todas as actividades que nos domínios político, social e cultural sirvam para dignificar os aposentados, pensionistas e reformados, ou seja, as pessoas mais idosas.

Para prosseguirmos esses objectivos apoiaremos:

  • a consolidação, a unificação e o engrandecimento da APRe!;
  • a defesa dos valores da solidariedade, da justiça, da transparência e da dignidade;
  • a continuação e aprofundamento da representação em Organizações nacionais e internacionais;
  • a criação e integração de grupos de trabalho sobre temáticas do interesse da Associação e dos aposentados, pensionistas, reformados e pessoas mais idosas;
  • debates, work-shops, tertúlias, palestras, conferências sobre assuntos que sejam de interesse da Associação e dos aposentados, pensionistas, reformados e pessoas mais idosas;
  • o diálogo e parceria com entidades que prossigam os mesmos objectivos;
  • o diálogo com os poderes central e locais para uma definição de políticas favoráveis que digam respeito aos aposentados, pensionistas, reformados e pessoas mais idosas nas diversas áreas.


3. Acções Concretas

Dignificar a APRe! nas vertentes interna e externa, quer através dos representantes designados para a sua representação em organizações, conselhos ou comissões, quer através dos órgãos de comunicação social em que for suscitada a sua intervenção, quer ainda através dos meios institucionais de comunicação da Associação;

Consolidar a organização interna da APRe! garantindo uma comunicação bilateral efectiva e motivadora tendo como finalidade uma permanente informação dos associados e para os associados, e o alargamento da representatividade a nível nacional;

Concluir o processo de revisão dos Estatutos da APRe! por forma a garantir uma maior eficácia operacional tendo em conta a experiência adquirida e as propostas dos associados;

Valorizar a comunicação da APRe!, através das suas plataformas ou por outros meios que venham a ser considerados pertinentes, tendo em conta a definição e objectivos de cada uma delas;

Pugnar pelo alargamento do número de associados e garantir o pagamento e actualização do valor das quotas;

Desenvolver acções de sensibilização junto do poder político, das instituições políticas e sociais, por forma a incentivar e consolidar a defesa dos interesses dos associados da APRe!, sublinhando a prioridade de politicas inclusivas e de valorização dos cidadãos mais velhos;

Ter uma participação activa nos conselhos, comissões, organizações em que já participamos ou viermos a participar como representantes dos aposentados, pensionistas e reformados;

Promover o aprofundamento técnico de temas prioritários recorrendo a voluntários e, quando necessário, a parcerias com entidades externas, nomeadamente universitárias, por forma a potenciar de uma forma sustentada a intervenção da Direção.

Criar, de modo faseado, 7 grupos de trabalho (investigação, informação e documentação) denominados de “Comissões Técnicas” e de apoio permanente à Direcção, constituídos por 3 elementos cada, tuteladas por um Director, constituídas e distribuídas pelas nossas regiões por forma ordenada, simplificada e operacional versando as seguintes temáticas:

  • Direitos Humanos dos Idosos e a sua Não-discriminação
  • Cidadania Activa e participação social dos Idosos
  • Pensões, rendimento e habitação adequada.
  • Direitos do Consumidor Idoso e Gabinete de Apoio ao Associado.
  • Envelhecimento digno e saudável
  • Estudo e coordenação de políticas sociais e novos projectos
  • Regulamentos e Caderno Reivindicativo


4. Declaração final

Esta Lista candidata-se sobretudo porque acredita que é importante e fundamental que a APRe! continue a ser um marco na sociedade portuguesa como tem feito, de forma isenta e independente.

Os mais velhos, não são um fardo mas são cidadãos de plenos direitos que não abdicam de dar o seu contributo para que essa sociedade, mais do que nunca, se transforme numa sociedade sustentável para todas as idades.

Queremos envelhecer livres e sem medos!

Envelhecer livre é envelhecer com dignidade!