CES

0












A APRe! no Conselho Económico e Social 

“Queremos ver o idoso como um factor de investimento e não como objecto de prateleira!” 
A citação anterior é do Dr. Silva Peneda, presidente do CES (Conselho Económico Social), que na passada quarta feira 20 de Março de 2013 recebeu uma delegação da APRe! (Fernando Martins – Vice-Presidente da Direcção; J. Vieira Lourenço – Vogal da Direcção; Vítor Ferreira – Membro da Mesa da A. Geral; Carlos Frade – Presidente do Conselho Fiscal; António Reis – Membro do Núcleo de Algés). 
Fernando Martins começou por apresentar os cumprimentos em nome da direcção da APRe! e depois de ter feito uma breve apresentação da delegação fez o historial da nossa associação, clarificando os motivos que lhe deram origem. Em seguida deu conhecimento de que era nossa pretensão integrar o CES. 
O senhor presidente do CES agradeceu a nossa visita e congratulou-se com o aparecimento da nossa associação. Quanto à nossa pretensão esclareceu que a decisão pertencia em primeiro lugar à Assembleia da República. Esclareceu que dentro do CES há várias comissões e uma delas é a de concertação social que é presidida pelo Primeiro Ministro. Mas esclareceu ainda que é a AR que define o plenário do CES e que neste plenário, neste momento, não estão devidamente representados os jovens, os emigrantes e os Aposentados, pensionistas e reformados. Esclareceu ainda que compete à AR alterar a lei 108/91, permitindo assim que estas categorias não representadas passem a fazer parte. Mas para que tal aconteça tem de ser apresentada uma proposta ou propostas dos partidos representados no espectro parlamentar. Alterada esta lei da composição do CES, será publicado um edital que permite às organizações representativas das classes citadas candidatarem-se ao plenário do CES. No processo de candidatura será depois importante que as associações que se candidatam provem a sua representatividade. 
A delegação da APRe! aproveitou este momento para dizer que não seria difícil evidenciar a nossa representatividade, face a outros movimentos que também representam a classe de pensionistas, aposentados e reformados. Além disso salientou que muitos dos associados da APRe! são activos, embora se considerem cada vez mais marginalizados, não merecendo atenção nem consulta de ninguém. A delegação da APRe! acrescentou ainda que a perspectiva da associação é mais social e por isso interrogou o presidente do CES perguntando se a nossa candidatura não seria um bom impulso para dar novo estatuto à classe dos aposentados. 
Como resposta o presidente do CES salientou que essa preocupação já existe. Referiu, a esse propósito, um parecer do CES de autoria do Dr. Manuel Lemos e deixou claro que naquele conselho querem ver o idoso como um factor de investimento e não como objecto de prateleira! 
A reunião terminou comos nossos agradecimentos pela amabilidade e simpatia do presidente do CES. Que nos disse o que todos sabemos: a luta não vai ser fácil! Mas registámos que o Dr. Silva Peneda apoia a nossa luta! 
J Vieira Lourenço