CESocial

2
Conselho Económico e Social de Portugal 
A APRe! tem-se batido, desde a sua fundação, pela representação dos Reformados neste CES. 
Foram muitas as diligências feitas junto de diversos órgãos do poder, dos partidos políticos e do próprio CES.
Finalmente, parece aberto o caminho para que esta reivindicação da APRe! seja correspondida.
No passado dia 9, durante a sessão plenária da Assembleia da República onde foram presentes nove projectos de lei de BE, PEV, PS e PSD, houve unanimidade no sentido de incluir representantes de emigrantes e imigrantes, da juventude e de reformados no Conselho Económico e Social. 
O Parlamento deliberou que aquelas propostas baixassem todas à Comissão Parlamentar de Economia e Obras Públicas, sem as votar, a fim de realizarem nova apreciação, tendo dois meses de prazo para o fazer.