Máscaras, viseiras e gel passarão a ser consideradas despesas de saúde no IRS em 2021

1

“As máscaras de protecção respiratória, viseiras e gel desinfectante cutâneo com as especificidades constantes de despacho dos membros do Governo responsáveis pelas áreas da economia, das finanças e da saúde, são consideradas como despesas de saúde, pelo que podem ser deduzidas (no âmbito do IRS)”, refere a proposta hoje aprovada por unanimidade, durante o processo de votação na especialidade do Orçamento do Estado para 2021.”

 

 

Ler mais aqui: https://www.publico.pt/2020/11/24/sociedade/noticia/mascaras-viseiras-gel-passarao-consideradas-despesas-saude-irs-2021