Não partilhe notícias falsas

9

Independentemente da aproximação do acto eleitoral, é cada vez  mais importante estarmos atentos a este flagelo, sobretudo nas redes sociais. Muitas vezes os títulos pouco ou nada têm a ver com o texto da notícia, daí a necessidade de ler tudo. Outro aspecto é procurar saber qual a fonte. Ninguém está livre de cair nestas ratoeiras! Na dúvida não partilhem!

Fonte: Comissão Nacional de Eleições