O Fingido, César das Neves

0
O “Fingimento dos Pensionistas”

No Domingo, dia 17 de Novembro fomos surpreendidos por declarações de João César das Neves num jornal nacional de grande tiragem (DN) e em diferentes canais de televisão sobre “o fingimento dos pensionistas”. Na realidade, é João César das Neves que está a fingir que é professor quando, de facto, é ignorante. Revela uma falta de respeito cívico e democrático, acompanhada da ausência total de rigor técnico, ao afirmar na entrevista ao Diário de Notícias que “…A maior parte dos pensionistas não são pobres e estão a fingir que são pobres”…
Basta procurar os dados da Caixa Geral de Aposentações e da Segurança Social para se concluir o seguinte:
Em Dezembro de 2012, num total de 462 446 aposentados da CGA, 50% dos aposentados recebiam pensões inferiores a 1.000€/mês.
Nos últimos dados disponíveis no sítio da Segurança Social (Dezembro de 2011) num total de 1.856.621 pensionistas, 88,9% têm pensões inferiores a 419 Euros/mês.
Estes dados são ilustrativos e clarificam a falta de controle do professor de economia que, ou não se deu ao trabalho de ler os números, ou para ele, a grande maioria dos pensionistas é rica, apesar de 90% dos mesmos ter pensões inferiores a 419 Euros/mês.
O pensamento de João César das Neves, está bem distante do pensamento do Papa Francisco. Como católico, deveria ter a humildade suficiente para pedir desculpa aos pensionistas ofendidos.

A Presidente da APRe! (Aposentados, Pensionistas e Reformados)
Maria do Rosário Gama