Pausa

0

     

Uma Trova em Coimbra

Retrato

O Povo da Cidade
No afã do dia-a-dia.
Soa no ar
Uma canção, uma trova
Uma verdade
De quem confia
Num novo despertar.
Ao longe
Um sorriso de esperança
Que irradia e se renova
Num rosto imaculado
De criança
(pm)