Reformados = Párias?

2

Maria do Rosário Gama, uma das professoras mais credenciadas do país, interpela os deputados da maioria que aprovaram o Orçamento de 2013: «Tiveram coragem de aprovar uma contribuição extraordinária de ‘solidariedade’ para vencimentos superiores a 1.350 euros, sabendo que isso é um imposto encapotado? Sabem que os aposentados, pensionistas e reformados assumiram compromissos que seriamente vinham cumprindo e que as medidas que os senhores aprovaram vão pôr em causa esse cumprimento?».

Por seu lado, Bagão Félix fala de «um abuso de poder sobre pessoas quase tratadas como párias e que, na sua larga maioria, já não têm qualquer possibilidade de reverter a situação. Uma vergonha imprópria de um Estado de Direito. Um grosseiro conjunto de inconstitucionalidades que pode e deve ser endereçado ao Tribunal Constitucional».
Vicente Jorge Silva